“O retorno às atividades escolares é urgente!”, frisa a deputada Érika Amorim

17 de Novembro de 2021

De acordo com a parlamentar, "o ambiente escolar também reforça o papel social de integrar educação, saúde e assistência social"

Foto: Paulo Rocha

A deputada Érika Amorim (PSD), terceira secretária da Mesa Diretora da Assembleia Legislativa, apresentou, no primeiro expediente da sessão plenária desta quarta-feira (17), estudo do Banco Mundial sobre os impactos da pandemia da Covid-19 no setor de educação na América Latina e no Caribe.

Dados de fevereiro de 2021 indicam que, devido ao fechamento massivo de escolas, cerca de 120 milhões de crianças em idade escolar já haviam perdido ou corriam o risco de perder um ano letivo completo de educação presencial, com graves impactos educacionais. Isso de acordo com o relatório “Agir agora para proteger o capital humano de nossas crianças: Os custos e a Resposta ao Impacto da pandemia da Covid-19 no Setor de Educação na América Latina e no Caribe”.

A parlamentar explicou que a pobreza de aprendizagem se caracteriza quando crianças com 10 anos de idade são incapazes de ler e entender um texto simples. “Esse percentual pode ter aumentado de 51% para 62,5% após a pandemia. Isso poderia ser equivalente a adicionar cerca de 7,6 milhões de crianças em idade escolar do ensino fundamental com pobreza de aprendizagem na região”, apontou.

Érika Amorim ponderou ainda que, com o avançar da vacinação e todo o esforço da comunidade escolar, as atividades de ensino presenciais estão sendo retomadas, mas é preciso atenção no estado dessas crianças e muito carinho durante esse acolhimento. “Qual foi o impacto emocional nessas crianças? O retorno às atividades escolares é urgente! A escola é um ambiente de proteção e precisa ser apoiada. O ambiente escolar também reforça o papel social de integrar educação, saúde e assistência social”, alertou.

AGENDA NO IPREDE

A deputada registrou também a visita realizada ao Instituto da Primeira Infância (Iprede), na última sexta-feira (12/11), para acompanhar o trabalho desenvolvido com crianças e famílias em situação de vulnerabilidade. “São mais de cinco mil famílias assistidas com alimentação diária garantida graças ao empenho de profissionais dedicados que, além dessa assistência, ainda desenvolvem projetos com essas famílias, como o Vai Maria, parceria entre as mães do instituto e alunos do curso de estilismo e moda da Faculdade Farias Brito”, elogiou.

O desfile "Vida de Maria", iniciativa do projeto "Vai Maria", será realizado nesta sexta, dia 19, no shopping RioMar Fortaleza, a partir das 18h30.  

Com informações da Agência Alece